Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

Refrigerantes alteram a química do cérebro

Imagem
A pesquisa abaixo é para quem costuma consumir muito refrigerante.


Cada vez mais as evidências indicam que os refrigerantes são muito mais nocivos do que parecem.
Para acabar a sede, nada melhor do que água.  Mais seguro e saudável.

Quanto menos alimentos processados consumirmos, melhor.
Quanto mais simples nossos hábitos alimentares, melhor.
Nossa saúde agradece!


Uma pesquisa científica apontou que as bebidas açucaradas podem mudar profundamente o cérebro. Os pesquisadores descobriram que os refris podem levar à hiperatividade por um longo período, e alterar centenas de proteínas no cérebro. As bebidas gaseificadas já tinham sido previamente associadas com aumento do risco de ataques cardíacos, diabetes, ganho de peso, ossos frágeis, câncer de pâncreas e próstata, fraqueza muscular e paralisia. Contudo, como se tudo isso ainda não fosse ruim o suficiente, o estudo mais recente foca nos seus efeitos sobre o cérebro, ao invés do resto do corpo. A pesquisa, de cientistas australianos, foi rea…

Envelhecer = ....................

Imagem
Vivemos em uma época muito singular. 
Envelhecer não é mais sinônimo de sabedoria, não é mais uma etapa digna de admiração e respeito.
Todos querem ser jovens. De repente, pessoas de 50, 60 anos são consideradas jovens. Não me refiro à juventude relacionada ao espírito e à mente, mas àquela relacionada ao corpo.
Até poucas décadas atrás, pessoas de 40 anos eram consideradas velhas. Agora, pessoas nessa idade ainda são "jovens". 
Ao mesmo tempo em que a infância diminuiu, a adolescência tem se prolongado e a juventude, nem se fala!

Hoje, envelhecer é como um tipo de punição velada. A maioria acredita que vai "chegar lá", mas no fundo, ninguém quer.
Se você perguntar para qualquer pessoa quantos anos ela gostaria realmente de viver, a maioria das respostas será algo como "o máximo possível" ou "muito tempo", mas paradoxalmente, ninguém quer envelhecer. Por isso tantos tratamentos para retardar de forma muito superficial e insatisfatória o irremediável.

Praticando o desapego - Fernando Pessoa

Imagem
Um dos mais belos poemas que já li.

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final.
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário....
Perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.

Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos.
Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos que já se acabaram.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas possam ir embora.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.

Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: Diga a sí mesmo que o que passou jamais voltará.

Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo...
- Nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Encerrando ciclos, não por causa do orgulho, por incapacidade ou por soberba...
Mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais em sua vida.

Feche a porta, mude o d…

O lenhador e a raposa

Quando damos ouvidos aos outros...







© 2019 Simplicidade e Harmonia - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total desta obra e permitida a reprodução parcial desde que citada a fonte.