Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

Meio triste ou meia triste?

Imagem
Muitas vezes confundimos quando utilizar meio ou meia. Mas você já viu uma meia triste? Eu não.



Meia é um substantivo enquanto meio é um advérbio de intensidade.

Meio e meia também podem ser utilizados como numerais fracionários, flexionados quanto ao gênero.
Exemplos:
Meio-dia e meia
Meia garrafa de água
Meio litro de suco
Meio copo de água


Simples, não?

Até a próxima!


Fonte consultada:http://www.gabarite.com.br/dica-concurso/211-meio-ou-meia-aprenda-quando-usarCréditos da imagem: Gualberto107 - Free Digital Photos

Alimentação x consequências

Imagem
Hoje eu gostaria de falar um pouco sobre alimentação.

A pesquisa Erica (Estudo de Riscos Cardiovasculares em Adolescentes) foi feita pelo Ministério da Saúde em parceria com a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e ouviu adolescentes entre 12 e 17 anos de 1247 escolas em 124 municípios brasileiros.


No ranking dos alimentos mais consumidos pelos adolescentes estão:
1º lugar: arroz (81,75%)
2º lugar: feijões e leguminosas (67,95%)
3º lugar: pães (55,65%)
4º lugar: sucos (53,44%)
5º lugar: carnes (51,62%)
6º lugar: refrigerantes (44,97%)
7º lugar: doces (39,33%)
8º lugar: café (38,30%)
9º lugar: frango (35,09%)
10º lugar: hortaliças (33,97%)

Entre todos os alimentos citados, você notou a falta de algum?  Veja de novo e tente perceber.


Encontrou?


Acredito que a maioria tenha percebido que não há frutas nessa lista! Pelo menos segundo essa pesquisa divulgada em 07/07/16, as frutas não estão entre os alimentos mais consumidos pelos adolescentes.

Voltando ao ranking, o resultado não é difícil de se…

200 = 162 = 81 = 29? - Realidade ilógica e perversa

Imagem
Para iniciar esse post, gostaria de informar alguns dados:
1) Em 2016, a Receita Federal recebeu aproximadamente 29 milhões de declarações de Ajuste Anual de Imposto de Renda.
2) A declaração foi obrigatória para renda anual superior a R$ 28.123,91.
3) O Brasil possui 81% da população em idade economicamente ativa, segundo José Eustáquio Alves – demógrafo do IBGE em entrevista à Revista Veja (22/07/2015).
4) A população brasileira é de aproximadamente 200 milhões de pessoas.
5) A tabela de correção do imposto de renda está inexplicável e absurdamente defasada em mais de 80%.
Ao correlacionar os dados, consegue perceber algo estranho?

Um país com 200 milhões de habitantes, renda mínima baixa para a obrigatoriedade de entrega da declaração, 81% da população em idade economicamente ativa e mesmo assim, apenas 14,5% dessa população recebe mais de R$ 28.123,91 por ano para entregar a declaração? Há declarações conjuntas, mas não as levarei em consideração para simplificar a ideia. De qualquer man…

O calendário

Imagem
Hoje foi a primeira vez em que folheei um calendário (de mesa, com uma folha para cada mês) sem o objetivo de procurar uma data específica ou ver as ilustrações ou figuras.

Folheei com calma. Mês a mês.
Dias que virão.
Dias que se vão.
Tão rápido e discretos como chegam, vão embora.

Se na infância um ano era tão longo, na vida adulta isso muda drasticamente, ainda mais hoje em dia com tantas tarefas, distrações, obrigações, informações e estímulos sensoriais.

Em breve chegará dezembro de 2017.
Dias que vão e não voltam jamais, independentemente da destinação dada a cada um deles.

A cada segundo que passa envelhecemos, amadurecemos, nos tornamos mais experientes. Ou ficamos estacionados em nossa zona de (des)conforto, que nos impede de alcançar a maturidade, mas não de envelhecer.

Você não é o mesmo que era há um minuto. Nem eu. Ninguém é.
Em 60 segundos, várias mudanças ocorreram em seu corpo.
Imperceptíveis como gotas de água que caem vagarosamente de uma torneira e enchem um copo em algumas h…

A lição do Japão

Imagem
Foi amplamente divulgada pela mídia a enorme cratera aberta em uma importante avenida situada na cidade de Fukuoka no dia 08/11/16.




Surpreendentemente, em menos de uma semana o problema havia sido sanado de forma eficaz, a avenida entregue como era antes, inclusive as faixas de rolamento e calçadas refeitas. Além disso, o prefeito da cidade pediu desculpas pelo atraso da obra em 1 dia. (No final do mesmo mês, houve movimentação do solo, o que causou um pequeno afudamento considerado normal, segundo os engenheiros da obra.)

Eficácia. 
Qualidade. 
Transparência. 
Interesse em fazer o melhor.

Um excelente exemplo para o mundo todo, especialmente para nós brasileiros, que vivemos em um país no qual as obras que deveriam durar um ano muitas vezes demoram 2, 4, 5 anos, apresentam superfaturamento e materiais de baixa qualidade. Isso quando as obras são efetivamente encerradas e entregues à população, o que é o esperado, mas nem sempre cumprido.

Não dá para não correlacionar esse incidente no Japão…

© 2019 Simplicidade e Harmonia - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total desta obra e permitida a reprodução parcial desde que citada a fonte.